Justiça

STF pauta julgamento de Ciro Nogueira (PP) que pode torna-lo réu

212Leituras

Uma denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o senador Ciro Nogueira (-PI), que já conta com dois votos para torná-lo réu por obstrução de Justiça, deve ter a apreciação concluída entre os próximos dias 13 e 20 de agosto pelo plenário virtual do Supremo Tribunal Federal (STF).

A denúncia diz respeito a suposto crime cometido entre agosto de 2017 e março de 2018, quando o presidente do teria atuado com o deputado Eduardo da Fonte (PP-PE) para comprar o silêncio de um ex-assessor parlamentar, fazendo com que ele desmentisse depoimento que havia dado à Polícia Federal (PF).

Apresentada pela ex-procuradora-geral Raquel Dodge em junho de 2018, a denúncia estava presa na burocracia da Corte até fevereiro deste ano, quando Gilmar Mendes liberou o texto para votação três anos após ter pedido vista (mais tempo para analisar).

Leia também

O julgamento chegou a ser marcado para o dia 23 de fevereiro, mas não ocorreu e agora foi remarcado. Antes de Gilmar pedir vistas, a ministra Cármen Lúcia e o relator da ação, Edson Fachin, votaram pelo recebimento da denúncia, para tornar réu o do governo Bolsonaro.

Faltam votar, além do próprio Gilmar Mendes, os ministros Ricardo Lewandowski e Kassio Nunes Marques.

Contribua com o Jornal clicando nos links de publicidade, fazendo este gesto gratuito, você estará contribuindo com a única fonte de renda deste jornal, de quebra nos ajudando a crescer e a oferecer um melhor e mais abrangente serviço de entrega de informação independente. Para contribuições em dinheiro, consulte esta página.

Redação do Jornal Liga Patriótica

Redigido pela Redação do Jornal Liga Patriótica, extraído de diversas fontes

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo