Política

Queiroga afirma que aplicação de vacina contra o vírus chinês será anual

130Leituras

O da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que a pasta federal já trabalha com a possibilidade de precisar repetir anualmente a vacinação contra a Covid-19.

De acordo com o ministro, as fábricas de vacinas veterinárias são uma aposta do governo para que o país seja autossuficiente em imunizantes contra o vírus.

“É possível que se torne uma endemia e que tenhamos que vacinar a população brasileira anualmente.”

“Por isso, temos que fortalecer o nosso complexo industrial da saúde, para que tenhamos condição de produzir vacinas suficientes no Brasil. Não só o IFA nacional, mas também o banco de células.”

De acordo com Queiroga, o governo se baseia em uma lei aprovada pelo Congresso que permitiu aos parques industriais que produzem vacinas contra doenças em animais possam iniciar a produção de imunizantes contra o novo coronavírus.

Leia também

Para Queiroga, a experiência do agronegócio brasileiro permitirá que essa produção ocorra em larga escala.

“Que nós possamos participar do Covax Facility [consórcio da OMS para a compra de vacinas] não para adquirir vacinas, mas para fornecer.”

De acordo com o Marcelo Queiroga, o segue com a meta de vacinar 100% das pessoas com 18 anos ou mais com ao menos uma dose de imunizante contra a até setembro deste ano.

De forma complementar, que 50% dessa parcela da população esteja com o ciclo vacinal completo, seja com uma dose da Janssen ou com duas doses das demais vacinas.

Contribua com o Jornal clicando nos links de publicidade, fazendo este gesto gratuito, você estará contribuindo com a única fonte de renda deste jornal, de quebra nos ajudando a crescer e a oferecer um melhor e mais abrangente serviço de entrega de informação independente. Para contribuições em dinheiro, consulte esta página.

Redação do Jornal Liga Patriótica

Redigido pela Redação do Jornal Liga Patriótica, extraído de diversas fontes

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo