Política

Presidente Bolsonaro reconduz Augusto Aras como PGR

385Leituras

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) decidiu nesta terça-feira (20), pela recondução de Augusto Aras, 62, para o cargo de procurador-geral da República.

Créditos: EBC / Agência Brasil

Pela segunda vez, o chefe do executivo deixou de lado a lista tríplice divulgada em junho por eleição interna da ANPR (Associação Nacional de Procuradores da República).

“Encaminhei ao Senado Federal mensagem na qual proponho a recondução ao cargo de Procurador-Geral da República o Sr. Antônio Augusto Aras”, escreveu o presidente da República no Twitter.

Em junho, a Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) elegeu a lista tríplice com as sugestões do Ministério Público para a indicação do procurador-geral da República.

Leia também

O mandato do atual procurador-geral, Augusto Aras, acaba em setembro. O presidente Jair Bolsonaro não era obrigado a indicar um dos nomes da lista. Cabe ao Senado sabatinar e votar o nome indicado pelo presidente. Em 2019, Aras não integrou a lista tríplice.

O presidente não é obrigado a nomear o primeiro colocado dentre os escolhidos pela ANPR, mas Bolsonaro rompeu com uma tradição bem vista dentro do Ministério Público Federal. A prática era considerada vinha sendo seguida desde 2003 pelos presidentes Luiz Inácio da Silva (PT) e Dilma Rousseff (PT). Já Michel Temer (MDB) escolheu indicar Raquel Dodge, a segunda da lista enviada ao ex-presidente.

Para os procuradores, esse pleito garante uma postura de independência do ocupante da em relação ao presidente.

As últimas eleições internas da ANPR tiveram como mais votados os nomes de Luiza Frischeisen, Mario Bonsaglia e Nicolao Dino.

Contribua com o Jornal clicando nos links de publicidade, fazendo este gesto gratuito, você estará contribuindo com a única fonte de renda deste jornal, de quebra nos ajudando a crescer e a oferecer um melhor e mais abrangente serviço de entrega de informação independente. Para contribuições em dinheiro, consulte esta página.

Redação do Jornal Liga Patriótica

Redigido pela Redação do Jornal Liga Patriótica, extraído de diversas fontes

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo