Justiça

Após críticas, entre elas a viagem a China, Luís Miranda (DEM) quer censurar a internet

24Leituras

O deputado federal lidera o recolhimento de assinaturas para instalar uma CPI das redes sociais.

Em entrevista ao Painel Eletrônico, o deputado afirmou que o uso indevido dos dados coletados tem ajudado a montarem estratégias de vendas, além de serem usados para fins políticos.

Ainda segundo o deputado, há interesse das plataformas em disseminar também as fake news, um método específico em ganhar dinheiro.

Por isso, segundo ele, a criação da CPI, que tem o objetivo de buscar mecanismos para facilitar a retirada de uma notícia falsa do ar.

Leia também

O deputado não deixou claro quais mecanismos seriam esses e de que forma as plataformas estariam interessadas na divulgação desse tipo de conteúdo.

ressaltar que, durante as eleições 2018, essas mesmas plataformas tomaram várias medidas para combater as fake news, bullying e discurso de ódio.

Recepção negativa nas redes

Por meio das redes sociais, internautas reagiram contra a iniciativa do deputado e alegaram que tal medida é uma forma de censurar a opinião pública na Internet.

O jornalista Bernardo P Küster fez um vídeo o tema, no qual criticou a iniciativa do deputado.

Fonte: Conexão Política

Redação do Jornal Liga Patriótica

Redigido pela Redação do Jornal Liga Patriótica, extraído de diversas fontes

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo